4 dicas de aplicações de vidro para o seu projeto de arquitetura

64946-4-dicas-de-aplicacoes-de-vidro-para-o-seu-projeto-de-arquitetura

Não há dúvidas da beleza das aplicações de vidro em projetos de arquitetura. Em alta há alguns anos, o uso desse elemento no exterior ou no interior de um edifício traz conforto, beleza e requinte.

Apesar de muito utilizado para ajudar na ampliação de espaços, o vidro também pode ter vários outros papéis dentro de um projeto de arquitetura. Afinal, é com ele que você consegue um maior proveito da luz natural, dando leveza ao ambiente.

Neste artigo, descubra 4 dicas cruciais para as aplicações de vidro em seu projeto de arquitetura, seja ele o de uma residência ou prédio corporativo!

1. Requinte das aplicações de vidro em fachadas

Junto com o mármore, o vidro é uma das grandes peças coringa da decoração e, hoje, já é uma das mais utilizadas em fachadas de prédios brasileiros. Isso não é à toa, já que o elemento proporciona um ar mais moderno e requintado para qualquer fachada.

Atualmente, as fachadas totalmente envidraçadas ganham destaque em projetos de arquitetura. Com essa técnica, o vidro é fixado na estrutura como um adesivo, em um processo de instalação limpo.

Esse é um dos modelos de aplicações de vidro mais práticos, e contam com opções que vão desde os vidros transparentes até os refletivos — tudo irá depender do gosto do profissional e da necessidade do projeto de arquitetura.

2. Design despojado em banheiros e cozinha

Apesar de dominar as fachadas de prédios corporativos e residenciais brasileiros, as aplicações de vidro também ficam belíssimas em projetos internos, sendo uma ótima escolha para a decoração de banheiros e cozinhas.

Com um design limpo, que permite a circulação de luz natural e calor, o vidro também é uma peça importante para dar maior conforto em ambientes pequenos. Além disso, ele é uma peça universal que cai bem em qualquer projeto.

A decoração do banheiro pode ganhar box de vidro temperado, material que une a durabilidade com a elegância principalmente quando combinado a outros tipos de revestimento.

Já a cozinha pode aproveitar o vidro para criar um ambiente amplo, com luminosidade natural trabalhando a favor do arquiteto.

3. Elegância em escadas e paredes internas

Se a transparência consegue ser uma das grandes protagonistas em fachadas, as aplicações de vidro em escadas e paredes internas também ganham bastante destaque em projetos de arquitetura.

Em ambientes que apostam em um ar mais moderno e elegante, o vidro em paredes ou escadas é fundamental: com ele, o arquiteto consegue aproveitar a luz natural e desenvolver um projeto focado na economia de luzes artificiais.

4. Sofisticação em portas e janelas

As aplicações de vidro em portas e janelas precisam ser feitas com cuidado, mas nem por isso elas se transformam em um problema dentro do projeto de arquitetura.

Atualmente, existem diversas opções de vidro que proporcionam não apenas privacidade, mas também segurança — tudo isso, é claro, sem perder todo o potencial do vidro na decoração!

Portas de vidro com película são importantes em espaços onde é necessário algum tipo de privacidade. A película também evita acidentes caso a porta sofra com algum impacto e quebre.

Em janelas, é possível usar vidros com controle de radiação solar, diminuindo a transição de calor para dentro do ambiente. Seja em escritórios ou residências, o uso desse tipo de vidro pode diminuir os gastos com ar-condicionado.

As aplicações de vidro em projetos de arquitetura ficam incríveis em fachadas e paredes internas, não é mesmo? Se você gostou dessas dicas, não deixe de conferir nosso artigo sobre o uso inovador de pedras no revestimento de paredes!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *