Captação de clientes: 7 dicas para fechar novos projetos

67634-captacao-de-clientes-7-dicas-para-comecar-2017-fechando-novos-projetos

A captação de clientes está nas suas metas para 2018? Seja você um arquiteto que está começando no setor ou um profissional estabelecido, prospectar novos clientes — e manter os antigos — é fundamental para o sucesso de um negócio.

No entanto, nem sempre os profissionais se atentam para essa prática, e acabam negligenciando algumas medidas simples que são capazes de fortalecer uma marca, como ter uma presença digital mais forte ou manter o contato com os clientes antigos.

Quer entender melhor como fazer a captação de clientes no seu escritório de arquitetura? Continue a leitura e tire suas dúvidas sobre o assunto!

1. Conheça o seu público-alvo

Saber quem você pretende atingir é essencial para pensar em estratégias focadas no seu público. Para isso, separe algumas informações importantes dos seus potenciais clientes, como: idade, gênero, renda, escolaridade, localização geográfica e os principais problemas e dúvidas que aquela pessoa pode ter.

Identificar os maiores dilemas do seu público é muito importante. Dessa forma, será possível pensar em quais serviços exclusivos você pode oferecer para ajudá-lo nesse sentido, focando no seu diferencial nas campanhas de marketing.

2. Construa uma presença digital

Ter um site é fundamental para empreendimentos de qualquer setor, mas fique atento: essa não deve ser a sua única medida nesse sentido. É importante contar com um portfólio digital atualizado, que seja fácil de ser acessado pelos seus possíveis clientes e receba a divulgação adequada.

Não se esqueça da força das redes sociais: pesquise se o seu público frequenta mais o Facebook, Instagram, Twitter, Pinterest e Linkedin e esteja presente onde ele estiver. Aproveite e participe de grupos e fóruns de discussão na sua área, criando conteúdos interessantes focados nas necessidades dos seus possíveis clientes.

Outra estratégia interessante é criar um blog para trabalhar com materiais focados nas necessidades dos seus clientes. Criando conteúdo relevante e seguindo boas práticas de SEO, seu site alcançará uma boa posição nos mecanismos de pesquisa, chamando a atenção dos usuários.

3. Trabalhe sua marca

Se você quer se diferenciar em um mercado tão concorrido como o da arquitetura, é preciso que os seus potenciais clientes o vejam como um profissional único. E para que isso aconteça, é preciso trabalhar a sua marca.

Lembre-se que, mais do que um profissional, você é uma empresa e precisa buscar formas de anunciar os seus diferenciais. Dessa forma, você será lembrado pelos seus potenciais clientes quando eles buscarem alguém que faça um trabalho como o seu.

4. Pense na impressão que o seu escritório está passando

Uma das primeiras imagens que o seu cliente terá de você é o seu escritório. De nada adianta trabalhar em campanhas de marketing divulgando trabalhos modernos e arrojados se o seu escritório não passa essa imagem, por exemplo.

Muitos arquitetos acabam se esquecendo de cuidar desse item importante, correndo o risco de passar uma primeira impressão ruim ou diferente daquilo que são profissionalmente, afastando clientes interessantes.

5. Construa seu networking

As indicações são boas formas importantes de captação de clientes, mas, para ser lembrado, é preciso estar atuante no meio — e você pode fazer isso pessoalmente e online.

Participar de fóruns e grupos do seu setor, contribuindo com ideias e sugestões, costuma ser uma ótima forma de se relacionar. O LinkedIn é uma rede social totalmente voltada para o mundo profissional, capaz de ajudar você a mostrar um pouco mais do seu trabalho.

6. Dê palestras e participe de eventos

Participar de eventos do seu setor e de áreas correlatas é algo fundamental para construir o seu networking. Mas que tal também ser visto como uma autoridade?

Para isso, você pode investir em produzir seus próprios eventos ou, ainda, participar de outros como palestrante. Se a ideia lhe parece um pouco fora da realidade, cogite investir em webinars e palestras virtuais, que conseguem atingir um público amplo com um investimento mais baixo.

7. Faça parcerias inteligentes

Você acha difícil atrair e conquistar clientes sozinho? Então cogite investir em parcerias com profissionais de áreas semelhantes, como engenheiros, paisagistas e decoradores.

O mesmo pode acontecer com os fornecedores e lojas de materiais de construção, elétricos e outros. E, é claro, não se esqueça de manter contato com os antigos clientes por meio de uma lista de e-mails, por exemplo.

Viu como fazer a captação de clientes não é uma tarefa tão difícil? Seguindo nossas dicas, você vai garantir o sucesso das suas ações e atrair consumidores realmente interessados em seu negócio. Para aumentar ainda mais seu leque de parcerias, confira nossas dicas para melhorar seu networking!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *